Publicado em 13/12/2014

Só um novo STF
enterrará a Lei da Anistia

Nem para convidar D Paulo Evaristo Arns. Deve ter sido de vergonha …

Como se sabe, a Comissão da ½ Verdade levou dois anos e meio para parir um rato.

Sequer convidou para a solenidade D Paulo Evaristo Arns, fonte inspiradora do “Brasil Nunca Mais” de 1985, essa, sim, uma obra fundamental.

Provavelmente, de vergonha.

O que a Comissão revelou ?

O que trouxe à luz, que já não se soubesse ?

Que o pai do Otavinho usava as camionetes da Fel-lha para transportar torturadores e torturados ?

Ora, ora, professor Paulo Sérgio Pinheiro …

E o Globo ?

O Globo acabou de escrever um editorial para se arrepender do apoio que deu ao regime e, portanto, à tortura.

E a ½ Verdade não fala do Globo, professor …

Só pegou o Otavinho por causa do livro da Beatriz Kushnirhttp://www.conversaafiada.com.br/pig/2014/12/10/comissao-da-verdade-folha-emprestou-carros-para-a-ditadura/

Como diz o Mino Carta, isso é do conhecimento dos paralelepípedos da rua Augusta, professor.

Então, gastam dois anos e meio para descobrir que o Geisel era um torturador !

Mas, preservam sua excelsa memoria, porque não exigem a revisão imediata da Lei da Anistia.

Geisel, você foi muito perverso.

Mas, dorme em paz, general Democrata !

O Gaspari – o dos chapéus – te absolverá na História !

Agora, os conselheiros dirão em corajosas entrevistas que os Crimes contra a Humanidade são incompatíveis com a Democracia e não prescrevem.

Que ferem compromissos internacionais que o Brasil assinou.

Mas, na hora de assinar um documento que fizesse o Supremo se olhar no espelho e ter vergonha, nessa hora decisiva preferiram ser bem brasileirinhos e voltar a defender causas … no Supremo !

Ora, ora, o Ruy Barbosa que era o Ruy Barbosa rasgou os registros da Escravidão !

O ansioso blogueiro localizou o Profeta Tiresias no retiro que se impôs, tamanha a irritação com o traque ½ Verdadeiro.

– Qual foi o maior erro da ½ Verdade, Profeta ?

– Não tinha que ter ninguém de Direito ali. “Crimes contra a Humanidade” são matéria Política, de História, de Ética. E, ali, todos vestiram a toga de Juízes de Direito e passaram a pontificar como magistrados !

– “Direitos Humanos” não é matéria de Direito, Profeta ?

– Apenas, não ! Tinha que ter ali jornalista, cientista politico, historiador, Abuelas de la Plaza de Mayo, Hildegard Angel  …

– Mas, a preocupação era ter uma composição Republicana …

– Sim, e deu maioria aos tucanos ! De novo, meu filho, de novo … o Republicanismo !

– Então, começou mal, já na escolha dos membros …

– Outro erro de origem foi transformar o método de apuração num tribunal de juri. Erro grave. Revelar o que ocorreu numa ditadura não é matéria jurídica. O Direito vem depois.

– Não houve indignação !

– Nada ! Não houve Politica, comoção, catarsis. Parecia reunião de condomínio. Ceia de Cardeais.

– Tudo trancado, fechado …

– De fora, família, mãe, pai, avó, povo, lideres do movimento Anistia Já, a filha do Rubens Paiva, a viúva do Vlado … indignação contra um regime torturador … nada disso ! Parecia o trabalho de um empalhador … Melhor: foi uma reunião do COPOM do B !

– E agora, daí não sai uma revisão de Lei da Anista …

– Dali não sai nada. É mais do mesmo. Não chocou. Não exerceu nenhuma pressão sobre a Suprema Corte. O Supremo bocejou.

– Mas, e a revisão da Lei da Anistia, essa excrescência que nos envergonha diante do mundo, para não falar dos argentinos e da Cristina K : ler Cristina 7 vs 1 Dilma.

– Isso só acontecerá com um novo Supremo.

– Vamos esperar tanto ?

– O fazer o quê, meu filho ? O Ministro Marco Aurélio voltou a repetir, depois do traque da ½ Verdade, que Anistia é esquecimento! Imagine um Ministro de Suprema Corte dizer em Buenos Aires ou em Haia, Nuremberg ou em Ruanda (!)  que Crime contra a Humanidade se deposita embaixo do tapete … Imagine !

– Nem imagino !

– Então, temos que esperar o substituto do Joaquim Barbosa e do Celso de Mello, que sai ano que vem.

_ Mas, e o Presidente Lewandowski ?

– Ele, lá atrás, votou contra a Lei da Anistia. Certamente ele gostará que seu entendimento prevaleça na Corte. Ele também vai esperar …

– Bom, agora não teremos o Márcio Thomaz Bastos a recomendar o Peluso …

– Só espero que ela não dê ouvidos ao , Como é que você chama ele ?

da Justiça.

– Só falta perguntar quem ele quer ver no Supremo…

– O Sérgio Bermudes !

– Não, esse não aceita …

– Por quê ?

– Porque o salário de ministro não paga a conta do telefone dele…

Pano rápido.

Paulo Henrique Amorim

Anúncios