“Huffington Post” coloca Fernanda Montenegro na lista dos “não-brancos” do Oscar

19 de janeiro de 2015 | 11:31 Autor: Fernando Brito

montenegro

Andou saindo na Internet que a grande dama do teatro brasileiro, Fernanda Montenegro, tinha sido incluída numa lista histórica de indicados ao Oscar como “não-branca”.

Não é boato da rede, está mesmo aqui, na publicação do badaladíssimo Huffington Post, uma espécie de “modelo” de jornalismo empresarial na web.

Na verdade, num “asterisco” de “esclarecimento” (ou seria de “clareamento”) a publicação diz que Benício del Toro e Jennifer Lopez foram para o gueto cromático por terem ascendentes espanhóis.

Tenho certeza que Fernanda adorou a história e é capaz de ter brincado:

– Gente, será que foi pelo negro no final do sobrenome?

Ou ter repetido os versos do Caetano – “Tava em Madureira, tava na Bahia/No Beaubourg no Bronx, no Brás/ e eu e eu e eu e eu/A me perguntar: Eu sou neguinha?” – mas é triste ver que a discriminação racial (e nacional) dos americanos chega a este ponto.

Que a mentalidade Waspwhite, anglo-saxon, protestant – segue firme nas terras do Tio Sam.

E na indústria americana do cinema, a que mais mexe com mentes e corações em todo o mundo.

Como diz o veterano jornalista Nilson Lage, latinos, “do ponto de vista espontâneo dos americanos, (os latinos) são raça inferior, tanto quanto negros e muçulmanos, e que, portanto, (para eles)  faz todo sentido incluir Fernanda Montenegro na relação dos não-brancos.

Os nossos coxinhas que sonham com um greencard, a Flórida e outras “delícias” do paraíso norte-americano que se conformem.

Vão ser “neguinhos”…que horror!

Anúncios